Monthly Archives: February 2008

Buffet apoia o Bolsa Família como estratégia de crescimento.

O problema é a porta de saída….

Vejam o trecho abaixo e depois vejam a transcrição completa. Gates diz que se Buffet nascesse em outra época ancestral , seria comida de animal…

http://undergroundvalue.blogspot.com/2008/02/notes-from-buffett-meeting-2152008_23.html

Emory:

What do you think of aggregate infrastructure investment to stimulate the economy?

Buffett:

I think the best way to stimulate the economy is to give money to the poor. They will spend it. Don’t give it to guys like me. Infrastructure investment makes sense, but we haven’t done it in a while and it won’t do anything for the next 6-12 months. Infrastructure is not big relative to GDP. We are a consumer-driven society, spending 106% of production.

Não vamos colocar o carro na frente dos bois…

Matéria da The Economist citando um estudo do Banco Mundial.

“The World Bank’s researchers looked at 28 examples of new technologies that achieved a market penetration of at least 5% in the developed world, and found that 23 of them went on to manage a penetration of over 50%. Once early adopters latch onto something new and useful, in other words, the rest of the population can quickly follow. The researchers then considered 67 new technologies that had achieved a 5% penetration in the developing world, and found that only six of them went on to reach 50%. That suggests that although new technologies are often adopted by a small minority of people in poor countries, they then fail to achieve widespread diffusion, so their benefits do not become more generally available.”

Ou seja,  para a maior parte dos casos, é mais importante colocar professor bom dentro da sala de aula do que computador na mão de aluno. É mais importante chegar agua potável do que internet sem fio etc. O uso de novas tecnologias depende da instalação de infra estrutura antes.

O poder do telefone celular para combater a pobreza

Tem dois anos que um amigo indicou-me uma conferência nos EUA chamada TED. Depois deste dia tive uma oportunidade única de assistir excelentes palestras. Eu tenho outra sorte. Eu tenho amigos (Roberto Pinho – As Coisas) que inventam umas idéias malucas e eu topo. Traduzir alguns vídeos do TED. São vídeos que consideramos que devem ser vistos aqui no Brasil. Que injetam novas idéias e fazem a gente refletir.

O vídeo não está perfeito, vcs vão dar risada de alguns trechos, mas a idéia principal está clara. Quem quiser ajudar pode colaborar de duas formas. Se achar relevante, ajude a espalhar a mensagem do vídeo. Se achar um vídeo do TED que você ache importante, ajude a traduzi-lo. O primeiro que a gente traduziu foi o do Iqbal Qadir:

“O poder do telefone celular para combater a pobreza”

Qual a razão da pobreza continuar existindo apesar das décadas de ajuda internacional? Nesta palestra, Iqbal Qadir explica: “esta ajuda internacional causa danos, pois amplia o poder das autoridades no lugar do povo” e advoca uma nova abordagem para desenvolvimento: “do povo para o povo”. Sua própria experiência como uma criança em Bangladesh e depois como um banqueiro em New York levou-o a realizar que “conectividade é produtividade” — e que um simples telefone celular tem um enorme poder. Hoje sua companhia de telefonia celular, GrameenPhone, oferece serviço para a maior parte da Bangladesh rural, criando novas oportunidades conectando vilas ao mundo.

Original em http://www.ted.com/index.php/talks/view/id/79